02/12/2015

OS HOMENS DO ANO ou A MÁSCARA CAI

Se alguém se der ao trabalho, seria interessante pegar o histórico das capas de Exame e Veja (*), principalmente, e descobrir dois momentos opostos (glória e desonra) de alguns de nossos Homens do Ano e outros títulos semelhantes. Hipocrisia pura alimentando venda de revista.

Uma prévia nos é dada hoje, 2/12/15, na coluna do Ancelmo Gois. 



Após noticiar que Armínio Fraga vai receber o troféu "Person of the Year" em Nova York, a colun lembra alguns dos brasileiros agraciados no passado.



Em 2012, André Esteves (BTG Pactual) e em outros anos: Jorge Atalla (Copersucar), Mário Garnero (Brasilinvest), Ângelo Calmon de Sá (Banco Econômico), Luís Eulálio Bueno Vidigal (Cobrasma) e Luiz Furlan (Sadia), todos passaram, digamos, por maus-bocados.






(*) Poucos dias depois me dei ao trabalho de pescar algumas bem representativas. Veja o post inteiro com capas representativas dos píncaros e dos fundos de poço.


















































ESTES SÃO SÉRIOS CANDIDATOS A CONHECEREM O OUTRO LADO.














Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião. Discorde, concorde, acrescente, aponte algum erro de informação. Participe deste blog.

Obrigado.