04/01/2009

A BANDIDA DA LUZ VERMELHA

Irrito-me frequentemente com este padrão stand by adotado nos últimos anos pela indústria na produção todo e qualquer tipo de aparelho eletrônico. De televisores a computadores, tudo agora tem uma maldita luz vermelha que na maioria dos casos você só apaga desconectando da tomada. Alguns computadores apresentam um comportamento ainda mais esdrúxulo: quando desligados (luz acesa) parecem ligados, quando ligados (luz apagada) parecem desligados.



Na primeira Veja do ano a jornalista Mônica Weinberg avalia algumas atitudes em moda quanto a economia de energia e dá, para cada uma, o veredicto de se vale ou não a pena adotá-la. Uma das avaliações é quanto a deixar os aparelhos eletrônicos em stand by. O resultado é surpreendente. Se existir um botão “desligar” real, desligar o aparelho a cada uma hora irá adicionar apenas 5% ao custo! Mas se você deixá-lo em stand by por uma hora, o consumo será equivalente a 70% do que gastaria se estivesse ligado! Repetindo: 70%. Você acredita nisto?

Alguém é capaz de nos explicar de que lado está a indústria? Será que há uma linha cruzada de interesses entre vender produtos eletrônicos e vender energia? Será que alguém tem idéia dos objetivos da introdução desta maldita e bandida "luz vermelha" em nossas vidas?

Um comentário:

  1. eu tenho uma regua em casa e ligo TV, DVD, Videogame,... tudo nela... na hora de desligar eh so ir la e desligar a regua e pronto!

    ResponderExcluir

Dê sua opinião. Discorde, concorde, acrescente, aponte algum erro de informação. Participe deste blog.

Obrigado.